ARGEMIRO PEREIRA DE MENEZES (O BARAÚNA DO SERTÃO)

ARGEMIRO PEREIRA DE MENEZES (O BARAÚNA DO SERTÃO)

ARGEMIRO PEREIRA DE MENEZES (O BARAÚNA DO SERTÃO)

Filho de Manoel Pereira Lins (Né da carnaúba) e de Pautília de Menezes Lins, era casado com Iolanda Vieira de Menezes, do matrimônio nasceram 07 filhos: Vanildo Pereira de Menezes, Hildo Pereira de Menezes (ex-prefeito de Serra Talhada 1959/1964 e 1977/1983), Hilda Pereira de Andrade Lima, Nildo Pereira de Menezes (ex-prefeito de Serra Talhada 1969/1973), Gildo Pereira de Menezes, Ilza Maria Pereira de Andrade Lima e Argemiro Pereira de Menezes Filho.

A vocação política ele herdou do seu pai Manoel Pereira Lins, que foi vereador em Serra Talhada e prefeito em São José do Belmonte-PE. Argemiro foi um dos fundadores do PSD municipal de Serra Talhada, juntamente com Cornélio Soares, Methódio Godoy, Antônio Conrado e Luiz Lorena, que tinha como presidente estadual Agamenon Magalhães. Sendo eleito vereador em 03 mandatos de 1947/1958. Com a criação do PTB, por Getúlio Vargas, Argemiro registrou o diretório municipal do PTB em Serra. Antes de terminar seu terceiro mandato como vereador licenciou-se para assumir o cargo de delegado do IAPC, em Recife-PE.

Em 1958 licenciou-se do IAPC para disputar a sua primeira eleição para Deputado Estadual, cargo pelo qual foi eleito com 3.598 votos, assumindo este mandato do total de oito que ainda teria, tornando-se o deputado estadual de maior longevidade (1958/1990). Além de uma carreira política exitosa, foi junto com seu primo e cunhado João Pereira de Menezes (João de Ciba) ex-prefeito de Belmonte, um grande comerciante de cereais na década de 30 e 40 nas regiões de São José do Belmonte e Serra talhada, e um dos maiores criadores de bovinos do município de Serra Talhada.

Na Assembleia Legislativa de Pernambuco, destacou-se no seu trabalho em prol da saúde e da educação.

Na região do Pajeú, Argemiro Pereira ficou conhecido como O BARAÚNA DO SERTÃO, faleceu no Recife-PE em 07 de fevereiro de 2011.

Por Cicero Aguiar Ferreira 

Fontes de pesquisas: Blog Farol de Notícia (Luiz Ferraz Filho), 150 anos de Emancipação Política (Luiz Lorena) e Genealogia Pernambucana. 

   

Você pode gostar...